Kick out the jams - MC5

Published on by Wandique

Comprei esse disco, nos tempos em que fui aluno da "Belas Artes", de um colega que estava se mudando para a America. Ele era pianista e ganhava uns trocados tocando nas aulas de ballet do Teatro Guaíra e, anos mais tarde, encontrei o nome dele num disco do Jon Anderson. Ele estava se desfazendo dos discos para se mudar. Foi dele também que comprei o meu primeiro Yes importado, era o Fragile. Entre os discos encontrei esse do MC5. Naquele época o MC5 era mais conhecido pelas sua posição de extrema esquerda (não creio que não foi e não é conhecido por aqui), o "manager" do grupo era John Sinclair que fora condenado a 10 anos por posse/porte de marijuana e foi cantado em prosa e verso pela dupla John & Yoko no album "Sometime in NYC". Era isso que eu sabia do MC5 além de que eles eram de Detroit e eram cinco: Motor City Five. Cheguei em casa e botei o disco para rodar: "Kick out the jams brothers and sisters ..." O disco era ao vivo e, através do jornal Rolling Stone, soube que o "brothers and sisters" havia sido editado e substituiu um  xingamento que na época era inaceitável ("motherfucker"). A aqui em Pindorama uma polêmica semelhante se acendeu com a música "Geni e o Zeppelin"). As lojas baniram o album, as rádios não tocavam o disco e a gravadora queria quebrar o contrato com os rapazes. Mesmo assim sobreviveram 3 anos. A Wikipedia os chama de protopunk só porque eles eram desbocados. Bobagem, atualmente os usos e costumes das pessoas e especialmente das pessoas "revoltadas" já ultrapassou em muito tudo que o George Orwell e o Anthony Burgess juntos jamais imaginaram em termos de degradação e violência. Mas eram outros tempos, outros mundos. E a música deles não tinha nada de punk. Ainda bem !

Lançado em Fevereiro de 1969

Lado A

1) Rambling Rose

2) Kick out the jams

3) Come together

4) Rocket reducer No. 62 (Rama Lama fa fa fa)

Lado B

1) Borderline

2) Motor Cityis burning

3) I want you right now

4) Starship

Kick out the jams - MC5

Published on MC5

Comment on this post