Scary Monsters … and Super Creeps - David Bowie

Published on by Wandique

"You'd better not to mess with Major Tom"

 

Ao lançar o "Lodger", terminando assim a 'Berlin Trilogy', David Bowie voltou ao estúdio com o Robert Fripp e gravou essa maravilha que é o "Scary Monsters". Quando botei o disco para rodar e ouvi a guitarra eu sabia que só podia ser o Fripp. Ninguém consegue tirar o som que ele tira de uma guitarra. Claro que reconheço (e gosto muito) do trabalho do Hendrix mas pessoalmente eu gosto muito mais do RF, eu me identifico com o trabalho dele, há algo da música dele em mim. Seja com o King Crimson, seja Frippertronics ou Soundscapes aquela guitarra me faz recuperar o "tempo perdido". 

Mas voltando ao "Scary Monsters" me agradou muito aquela japonesa  em "It's no game",      depois descobri que era a mesma que aparece com o leque na capa do LP "Kimono my House" do Sparks (a da esquerda chama-se Kuniko Okamura). 

Alguém me falou que para o Fripp "cometer" aquele solo de "Scary Monsters" foi deixado acorrentado por alguns dias sem a guitarra e foi solto no momento da gravação. Essa música me desperta coisas inomináveis. A sequencia de acordes altera meu batimento cardíaco. É de uma crueza e violência psicológica que leva necessariamente a um cenário de insanidade. 

"Ashes to ashes" me fez entender que o "Ground Control" era uma asilo dirigido por um Pierrot alucinado e inseguro que ainda precisa dos conselhos da mamãe ... 

A capa interna do LP ecoa a "Berlin Trilogy" com as capas do "Heroes", "Low" e "Lodger". 

No final das contas o "Rock'n'Roll Suicide" era mesmo o Major Tom, não o Ziggy Stardust.

 

Lançado em Setembro de 1980

 

Lado 1

1. It´s no game (No 1)

2. Up the hill backwards

3. Scary Monsters (and Super Creeps)

4. Ashes to ashes

5. Fashion

 

Lado 2

1. Teenage Wildlife

2. Scream like a baby

3. Kingdom come

4. Bacause you´re young

5. It´s no game (No 2)

Published on David Bowie

Comment on this post

MarceloMK 06/16/2014 23:10

Wandique
Minha distração só me vez perceber que tu tinhas um Blog hoje.
Parabéns.
Adoro este disco também. Foi muito importante na minha adolescência. Tenho ele até hoje.
E ele me trás as mesmas emoções dos meus talvez 14 anos.
Parabéns de novo pela iniciativa de fazer um Blog.
Felicidades

wandique 06/17/2014 03:09

Marcelo,

Muito agradecido pelo apoio e entusiasmo e … continue visitando meu WebLog